METAFÍSICA DA LIBERTAÇÃO LATINO-AMERICANA: UMA REBELDIA DA ALTERIDADE

ALBERTO VIVAR FLORES

O OBJETIVO do presente trabalho, como seu título indica, pretende ser a elaboração de uma teoria filosófica que bem possa vir a situar-se no interior da área denominada “Metafísica”, como se lhe ocorreu chamá-la a Andrónico de Rodes, ou “Filosofia Primeira”, como gostava de a definir Aristóteles (384 a. C. – 322 a. C.). Metafísica ou Filosofia Primeira que tem como ponto de partida a realidade latino-americana e, por conseguinte, se insere em um determinado modo de filosofar: o filosofar latino-americano contemporâneo. Filosofar latino-americano entendido não apenas como o exercido por latino-americanos, nem simplesmente o feito “em” Latino-América, mas, sobretudo, o feito “desde” Latino-América, latino-americanamente. Feito “desde” Latino-América e compreendido e expresso, segundo o inspirador do nosso tema, Enrique Domingo Dussel Ambrosini (1934), como “Filosofia da Libertação”.

EDITORA PHILLOS | CNPJ: 29.282.901/0001-03 
AV. SANTA MARIA,  PARQUE OESTE, 601. GOIÂNIA- GO. CEP. 74.486-450
www.editoraphillos.com.br | editoraphillos@gmail.com 
©2017 por Editora Phillos. - Todos os direitos reservados.