ANÁLISE DE CONJUNTURA:

A CONTRAPOSIÇÃO ENTRE CAPITAL E TRABALHO NA ATUALIDADE (Vol.2)

ARTUR BISPO DOS SANTOS NETO

VIRGÍNIO GOUVEIA (ORGS)

Os textos que pautam este livro buscam operar uma análise da conjuntura internacional e nacional pautada pela perspectiva marxista dos fenômenos econômicos e políticos sucedidos nos anos mais recentes. A análise de 2017 permite rememorar o marco histórico significativo para a história da esquerda internacional, uma vez que coincide com o aniversário dos 100 anos da Revolução Russa. Acontecimento ímpar na história da humanidade, por se tratar da primeira tentativa de transição socialista, e que influenciou profundamente revolucionários de todo o mundo, o que denota a vicissitude da tese marxista: “um espectro ronda a Europa”. Num sentido mais profundo, o espectro do comunismo rondou, ronda e continuará rondando a sociedade burguesa e o sistema do capital não apenas no universo geográfico europeu. A totalidade extensiva da tese marxiana atingiu os trópicos, a América do Norte, a Ásia, a América Central, a África etc.

O ano de 2017 constitui-se também como marco relevante pela lembrança dos 150 anos do magnum opus Das Kapital, de Karl Marx. A obra tinha como intenção ser uma avassaladora “crítica da economia política”, isto é, uma crítica do status quo do capital enquanto sujeito econômico e de sua representação ideológica. As categorias da economia política burguesa foram desveladas de modo progressivo-regressivo não somente pelo seu caráter exclusivamente econômico, mas também por sua dimensão política.

PRIMEIRA PARTE:

CONJUNTURA INTERNACIONAL

 

CAPÍTULO I

ALEMANIA: LOS VALORES EM BOLSA DEL BANCO ALEMÁN, DEUTSCHE BANK, ALCANZARON UMA BAIXA HISTÓRICA

Juan Miguel Salinas Granados

 

CAPÍTULO II

LEY DE UNIDADE TARIFARIA ALEMANA: “Tarifeinheit”, el ataque a los derechos de la clase trabajadora en  Alemania

Juan Miguel Salinas Granados

 

CAPÍTULO III

OS IMPACTOS DO PROCESSO DE FINANCEIRIZAÇÃO DO CAPITAL SOBRE OS TRABALHADORES

Layana Silva Lima

 

CAPÍTULO IV

O IMPERIALISMO ESTADUNIDENSE E CHINÊS NA AMÉRICA LATINA

Artur Bispo dos Santos Neto

CAPÍTULO V

CONJUNTURA ARGENTINA 2017:

UMA LEITURA A PARTIR DO O REGISTRO/PERSPECTIVA DE CLASSE DAS ORGANIZAÇÕES DE ESQUERDA DA ARGENTINA

Antônio de Pádua Camelo Canel

 

CAPÍTULO VI

REVOLUÇÃO COMO CONSTRUÇÃO ORIGINAL E HEROICA DE UM POVO: O SOCIALISMO NA PERSPECTIVA DE MARIÁTEGUI

José Carlos Freire

 

CAPÍTULO VII

ESTADO NEOLIBERAL: CONTRASTES LATINO-AMERICANOS

Karolinne Krízia da Silva Ferreira

 

CAPÍTULO VIII

A CRISE DA ESQUERDA NA EUROPA E A INFLUÊNCIA STALINISTA

Marcos de Oliveira Silva

 

CAPÍTULO IX.

BREVE ANÁLISE DA CONJUNTURA EUROPEIA E DA ECONOMIA BRASILEIRA

Virgínio Gouveia

 

CAPÍTULO X.

A TORTUOSA ESTRADA DE DAMASCO E O FIM DA GUERRA NA SÍRIA

Artur Bispo dos Santos Neto

Virgínio Gouveia

 

SEGUNDA PARTE:

CONJUNTURA NACIONAL

 

CAPÍTULO XI

CONJUNTURA POLÍTICA E ECONÔMICA BRASILEIRA

Artur Bispo dos Santos Neto

 

CAPÍTULO XII

AMEAÇA DA DITADURA BONAPARTISTA DO CAPITAL SOBRE O TRABALHO NO BRASIL

Artur Bispo dos Santos Neto

 

CAPÍTULO XIII

SISTEMA FINANCEIRO E DESEMPENHO DOS BANCOS BRASILEIROS (2016-2017)

Artur Bispo dos Santos Neto

 

CAPÍTULO XIV

A CONCENTRAÇÃO DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO NO BRASIL

Artur Bispo dos Santos Neto

 

CAPÍTULO XV

PROGRAMA DE TRANSFERÊNCIA DE RENDA NO BRASIL: Reedimensionamento do fundo público para o processo de financeirização

Karolinne Krízia da Silva Ferreira

ISBN: 978-85-52962-53-3

​Nº de pág.: 389

EDITORA PHILLOS | CNPJ: 29.282.901/0001-03 
AV. SANTA MARIA,  PARQUE OESTE, 601. GOIÂNIA- GO. CEP. 74.486-450
www.editoraphillos.com.br | editoraphillos@gmail.com 
©2017 por Editora Phillos. - Todos os direitos reservados.